70 ANOS VOVÔ DO ASFALTO 20 - BUENOS AIRES - 7º DIA (56 imagens)
PASSAGEM POR BUENOS AIRES – 7º DIA. O sétimo dia de nossa programação em Buenos Aires foi dia de retorno para Vitória, para quem estava de avião. Marilene e João Vitor foram para o aeroporto mais cedo; Rose e Jorge foram numa segunda leva. Toda a manhã do Ruben foi ocupada no traslado de gente para o aeroporto. No embarque da Marilene ocorreu uma situação que serve de alerta para as pessoas. Naquela preocupação em não terminar a viagem com moeda do outro país no bolso, ao seguir para embarque a Marilene passou o restante dos pesos para o Romildo, que viajaria no dia seguinte. Como ela tinha reais no bolso, ficou tranqüila. Aí ocorreu um problema: a polícia encontrou líquidos em sua bagagem. Eram os remédios do João Vitor, todos acompanhados de receita médica, tudo certinho. Então ela foi chamada, não queriam deixar embarcar – sorte dela que a decolagem do seu vôo atrasou. Por outra coincidência infeliz, ela também não tinha mais o numero do telefone do hotel nem do Rubem, para avisar. Aí a tensão foi alta. Mas existe também uma outra situação: quando você está num “stress” real, Deus está vendo. E Ele manda o socorro. Uma agente da Gol, vendo a aflição dela e com criança no colo, se inteirou da situação a ajudou no contato com os policiais, inclusive verificando as receitas e atestando a presença da criança. Resolveu. Mas que a pressão subiu, subiu e foi muito. Aí fica a experiência para os viajantes: mesmo que a situação pareça concluída, é sempre bom deixar uma alternativa, uma reserva. Fora este episódio, tudo se transcorreu normalmente, inclusive com a Rose e o Jorge. Nós pilotos, aproveitamos o restante do dia para arrumar as bagagens, ajeitar a moto e depois andar mais um pouco pela cidade.

Clique em uma imagem para ver um modo de exibição maior.